Casa Pueblo- o museu imperdível em Punta Ballena

Dani Pádua
em 10/05/2018 às 16:51

Quem nunca viu alguma foto daquela linda casa de construção branca, e pensou que era em Santorini, na Grécia?

Então, essa casa fica em Punta Ballena, que fica aproximadamente a 16 km de Punta Del Este.

 

 

A casa pertencia ao artista plástico e arquiteto uruguaio Carlos Páez Vilaró. Era a sua casa de verão. Ele falaceu em Punta Ballena, no dia 24 de fevereiro de 2014.

Carlos quem a desenhou, e realmente a casa lembra as casas da costa mediterrânea de Santorini. Mas Vilaró gosta de fazer referência às casas feitas por um pássaro chamado forneiro, que no Brasil conhecemos como o joão-de-barro.  A construção durou 36 anos e foi toda feita pelas mãos de Vilaró.

 

                            Carlos Paez Vilaró

 

Atualmente a casa é um museu, uma galeria de arte, um restaurante chamado Las Terrazas (Os Terraços) e um hotel o Club Hotel Casapueblo.

Carlos visitou muitos países e retratou em seus quadros um pouco do que viu e apreciou.

No início da visitação, há um salão de projeção, onde passa um documentário sobre a vida de Vilaró e sua obra. Nas próximas salas, está o acervo de Vilaró e não é permitido fotografar. São diversas pinturas, cerâmicas, esculturas, entre diversas outras obras do artista.

 

         Uma das galerias que permite visitação.

 

 

Outra atração que é realmente imperdível é a Cerimônia do Sol, onde uma poesia que é declamada em despedida ao sol, pela própria voz do Vilaró e também composta por ele.  Então se você quer conhecer a Casa Pueblo, sugiro que vá próximo ao pôr do sol para poder desfrutar dessa cerimônia. É um dos pôr do sol mais lindo do mundo! Vale realmente a pena.

 

Pôr do Sol imperdível.

                    Pôr do Sol imperdível

 

 

Existe uma lojinha, onde você irá encontrar livros, gravuras e quadros de Vilaró.

A duração em média da visita a Casa Pueblo é de duas horas. Se chegar muito antes do pôr do sol, e estiver com fome, terá que comprar algo de restaurante, e as coisas lá não são baratas!

 

 

Curiosidades

 

O restaurante faz uma homenagem a Carlos Miguel, (filho do artista, e um dos dezesseis uruguaios sobreviventes do acidente aéreo da Força Áerea Uruguaia do voo 571 que caiu nos Andes em 13 de outubro de 1972.  A loja do museu recebeu algumas das mais importantes personalidades do mundo político e cultural.

O hotel dispõe de vários tipos de quartos, com capacidade para acomodar de 2 a 8 pessoas.  Proporciona diversas atividades diversas como natação, atividades recreativas, hipismo, tênis, golfe, jet ski, piscina aquecida, hidomassagem, sauna e muito mais.

No inverno faz muito frio, o que dificulta bastante para ficar do lado de fora e apreciar o pôr do sol. Mesmo no verão já venta muito, então para os friorentos, aconselho levar uma blusa de frio.

Como o acesso da Casa Pueblo se dá apenas em alguns ambientes, nos outros só poderão ir quem estiver hospedado no hotel, vale a pena ir ao gramado, para ter uma visão geral de toda extensão da casa.

E antes de entrar na casa, ou depois, caminhe até a rua principal, para ter uma visão da península, onde está a Playa de las Grutas.

E no final da rambla panorâmica está o Mirador de Punta Ballena, que é um mirante com vista para os dois lados da península. Ao fundo você conseguirá ver os prédios de Punta Del Este.

 

                                       Rambla.

 

 

Como chegar

 

 

Como Punta Ballena está distante aproximadamente 16 km de Punta de Este. O acesso é feito pela Rodovia Interbalnearia. A rodovia é super tranquila, bem sinalizada e bastante conservada.

O jeito mais fácil para chegar até a Casa Pueblo é alugando um carro. Em Punta Del Este existem várias locadoras. Vale a pena dar uma pesquisada, para alugar um carro mais em conta.

Se não quiser alugar um carro, você pode contratar um táxi, mas é importante combinar o preço primeiro, porque geralmente dá muito caro, principalmente se você for durante a baixa temporada. Aconselho que você vá até o centro de Punta Del Este e de lá pegue um táxi, para não ficar tão caro. Importante você combinar a hora que ele irá lhe buscar na Casa Pueblo, porque lá não existe ponto de táxi próximo.

Durante a alta temporada existem algumas excursões e vans que saem do centro de Punta Del Este em direção a Casa Pueblo. No inverno existe também, mas bem menos, então vale a pena se informar no hotel ou onde estiver hospedado antes de ir.

E a última opção para os turistas quês estão querendo economizar mais é ir de ônibus. Você deve ir até a rodoviária de Punta Del Este e pegar a linha de ônibus Montevideo- Punta Del Este ou a linha Punta- Portezuelo. Você deve pedir para descer no ponto que tem acesso ao Museu Casa Pueblo. De lá são 2 km de caminhada pela via Carlos Paez Vilaró, até a beira do pescanho que está a casa. A caminhada é bastante tranquila, só possui uma parte que tem uma leve subida. No inverno o vento é muito mais rigoroso e bem gelado, então mesmo caminhando irá sentir frio. Algumas pessoas pedem carona até a Casa Pueblo. Na volta, vale a pena pedir uma carona até o ponto de ônibus, e é importante saber que geralmente tem algum atraso. E antes de ir até a Casa Pueblo de ônibus, confira antes os horários que saem da rodoviária.

Importante dizer que a Casa Pueblo não tem acesso a cadeirantes. Existem muitas escadas, mas nenhuma rampa ou elevador infelizmente.

 

 

 

Informações da Casa Pueblo

 

Endereço: Carlos Páez Vilaró, 20003 Punta Ballena, Departamento de Maldonado, Uruguay
Telefone: +598 4257 8611/+598 4257 8041
Horário de funcionamento: Todos os dias do ano, das 10h até o por do sol.
Entrada: 240 pesos uruguaios (crianças menores de 12 anos não pagam).