Em Amsterdã, pessoas patinam em canais congelados

Durante uma onda de frio polar que atingiu a Europa, alguns canais congelaram, fazendo com que as pessoas patinassem nele. O fenômeno se repetiu após seis anos.

Lagoa do parque de Clingendael, o maior da cidade, serve de pista. Foto retirada do El País/Foto: Evert Elzinga (AFP).

Dani Pádua
em 10/03/2018 às 15:07

Nos últimos dias uma grande onda de frio tem castigado a Europa, com temperaturas que chegaram a – 20º C.

Devido ao frio extremo, vários voos foram cancelados, escolas e estabelecimentos comerciais foram fechados, e infelizmente algumas nevascas em vários países trouxeram mortes.

Em Amsterdã, alguns canais congelaram, formando uma camada grossa de gelo nos canais Prinsengracht e Keizersgracht. Esse fenômeno já havia acontecido há seis anos. E isso se tornou um momento de alegria para os moradores e turistas de Amsterdã, pois os canais se transformaram em grandes pistas de patinação de gelo ao ar livre.

Foram feitos muitos registros por internautas nas redes sociais, mostrando os vídeos e fotos das pessoas praticando a atividade.

Mas várias pessoas sem patins se arriscavam a andar pelas bordas dos canais.

Então as autoridades holandesas alertaram sobre o risco da prática, pois em algumas partes dos canais, o gelo pode estar mais fino, podendo causar acidentes.

É esperado que a onda de frio passe na próxima semana. Foi uma das piores ondas de frio que a Europa recebeu nos últimos anos.