A Cia American Airlines irá anunciar o cancelamento de algumas rotas e haverá redução de voos para o Brasil

Dani Pádua
em 29/03/2018 às 19:12

Na terça-feira, 27 de março, a American Airlines anunciou algumas rotas novas que irão começar na América Latina. Mas infelizmente não trouxe apenas boas notícias. Dentre essas mudanças, haverá alteração na frequência de voos, e inclusive alguns cancelamentos. E o Brasil terá corte de duas rotas e três voos reduzidos.

A American Airlines disse que ainda irá atender quatro destinos no Brasil, com 59 voos semanais em Brasília, Manaus, Rio de Janeiro e São Paulo.

Os voos entre Belo Horizonte e Miami serão cancelados a partir de 21 de agosto, sendo assim, a empresa será retirada da cidade. Nessa mesma data, será cancelado o voo diurno entre São Paulo e Miami e haverá uma diminuição na frequência dos voos entre o Rio de Janeiro e Nova Iorque, que hoje são sete voos semanais, irá para apenas cinco voos semanais.

No dia 19 de dezembro haverá uma diminuição da frequência de voos entre São Paulo e Los Angeles, ficando em quatro voos semanais e os voos entre Rio de Janeiro e Dallas, ficará com apenas três voos semanais.

A American Airlines disse nessa quarta-feira, (28) que “está apenas gerenciando a capacidade no Brasil em resposta às condições de mercado que não se recuperaram tão rapidamente quanto esperávamos”.

Ela está contrária às suas concorrentes. A companhia aera Avianca Brasil, colocou mais um voo diário para Nova Iorque. A Gol terá dois novos voos diretos para a Flórida e a Latam terá voos para Boston e Las Vegas ainda em 2018. Lembrando que a Azul, já implementou alguns voos.

E importante comunicar, que os passageiros que já possuem bilhetes emitidos a partir das datas acima citadas, terão que entrar em contato com a American Airlines.

Mesmo com a notícia dessa diminuição de voos, a American Airlines anunciou 11 novas rotas diretas entre os EUA e outros países da América Latina. O vice-presidente de planejamento da American, Vasu Raja, informou que a empresa está comprometida em oferecer mais opções de voos diretos para o México e a América do Sul.

A Argentina e o México são os países que mais ganharam voos diretos da American Airlines, mas há também novas rotas para a Colômbia, Caribe, Venezuela e Guiana. Essas mudanças começarão a partir de abril, assim como as vendas para as novas rotas e as rotas reforçadas.