Dicas

Segurança no Transporte Veicular de crianças

Saiba como transportar as crianças corretamente quando viajar de carro.

Transporte de crianças. Foto retirada do Centec.

Dani Pádua
em 05/01/2018 às 19:14

Viajar é um dos melhores prazeres da vida, não é mesmo? Planejamos, pensamos em todos os detalhes, (ou pelo menos achamos que pensamos), até chegar o momento da viagem. Quando se viaja sozinha ou com cônjuge ou amigos, é de fato simples, afinal você não pensa tanto em riscos que podem vir acontecer certo?

E se tiver crianças com vocês? Tudo muda, não é mesmo? Afinal, elas ainda não tem plena consciência dos cuidados que devem tomar, principalmente se a viagem for de carro.

Acidentes de tráfego são uma das principais causas de morte, ferimentos e incapacidades adquiridas em todo o mundo. Segundo a Organização Mundial da Saúde, em pouco mais de uma década o acidente de trânsito será uma das três causas principais de todas as mortes no planeta. A cada ano, 2,4 mil crianças com até 14 anos de idade morrem em acidentes de trânsito no Brasil. Na estimativa do Ministério da Saúde, nove em cada dez mortes poderiam ter sido evitadas com o uso de equipamentos de segurança adequados: a cadeirinha ou o cinto de segurança.

Desde 2010 tornou-se obrigatório pelo Código Brasileiro de Trânsito que todas as crianças menores de 10 anos sejam levadas no banco traseiro do veículo e até os 7 anos e meio utilizem assentos especiais.

 

 

Segurança no trânsito:

 

Gestante pode dirigir e viajar de avião em até 36 semanas de gravidez. Claro, se houver alguma restrição médica esse número pode ser alterado para menos tempo.

No Brasil milhares de crianças sofrem ferimentos ou morrem em acidentes de trânsito todos os anos. A segurança no transporte veicular de crianças, está no uso correto dos dispositivos de retenção preconizados. Crianças devem ser transportadas no banco traseiro dos veículos, até 10 anos de idade e de acordo com o CTB é considerada infração gravíssima, multa e retenção do veículo até a criança ser retirada do banco dianteiro.

No país, os acidentes de trânsito ainda são a principal causa de mortes de crianças entre 1 e 14 anos. Temos que mudar esta realidade.

 

Veja como transportar as crianças corretamente de acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran):

 

Até 1 ano: devem ser transportadas em dispositivo de retenção (bebê conforto ou “conversível”), fixado no banco traseiro do veículo, de costas para o motorista.

De 1 a 4 anos: devem ser transportadas na cadeirinha, fixada no banco de trás, virada de frente para o motorista

De 4 a 7 anos e meio: devem ser transportadas no assento de elevação, no banco traseiro, permitindo o posicionamento correto do cinto de três pontos sobre o peito e os quadris da criança

De 7 anos e meio a 10 anos: devem ser transportadas no banco de trás e com o cinto.

 

Atenção  motoristas:

 

O motorista precisa ficar atento às regras para transporte de crianças até 10 anos de idade. A legislação estabelece o uso de dispositivos de segurança. O descumprimento da lei gera multa de R$ 293,47 e 7 pontos na carteira.

Crianças no banco da frente, somente acima de 10 anos. Com idade inferior, é permitido nos seguintes casos: Se o veículo tiver exclusivamente este banco, quando a quantidade de crianças exceder a lotação do banco traseiro ou quando o veículo for fabricado apenas com cintos de segurança de dois pontos, nos bancos traseiros.

 

Mais algumas recomendações úteis para os motoristas: